terça-feira, 31 de maio de 2011

Nada mais será como dantes!...

Confesso que estou a hiperventilar com a responsabilidade que tenho este fim-de-semana. O futuro depende claramente disso! A partir deste fim-de-semana, nada mais será como dantes; sente-se isso no ar! Cada um tem a responsabilidade de fazer aquilo que é melhor para si e para os seus....

Vou levar a minha filha à primeira festa de anos para que foi convidada. Sim... Existe medo! Sim... A partir deste fim-de-semana nada será como dantes!...


domingo, 29 de maio de 2011

BU'lhosa

Hoje, fomos à livraria.



E, mais do que nunca, a Bulhosa foi... BU'lhosa! :-)

domingo, 8 de maio de 2011

"Pai?... Mãe?... 'baiar!"

Chega a ser preocupante a rapidez (e facilidade) com que os pequenos aprendem o que os grandes (lhes) dizem. Há umas semanas, para justificar a súbita saída de casa da minha mulher para o emprego, as avós ensinaram a catraia que quando a mãe ou o pai se vão embora ou não estão com ela é por estarem a trabalhar, a ganhar dinheirinho para a papa dela (e, a este momento, fizeram aquele gesto de esfregar os dedos uns nos outros, como se faz quando se fala de "pilim"). No mesmo dia em que lhe disseram isto, ela interiorizou a mensagem. De tal modo que agora, quando o pai ou a mãe saem de casa e ela fica, vai ter com quem lhe ficou a fazer companhia e pergunta: "Pai?..." ou "Mãe?..."; e aproveita para ser ela própria a responder logo de seguida: "...'baiar!", fazendo automaticamente ela também... o gesto do dinheirinho, com os deditos.


Babalu: um ano e nove meses, cumpridos hoje.

sábado, 7 de maio de 2011

Caracóis = "Paaaapa!!!"

Com orgulho (e algum temor) anuncio ao mundo que a minha filha comunga de alguns dos meus mais duvidosos gostos gastronómicos.